Posts com a Tag ‘bes’

Atirador do GOE no Assalto ao BES

O assalto à dependência do Banco BES, em Lisboa, durante a tarde e início de noite de quinta-feira, acabou de forma trágica para os dois assaltantes, que foram neutralizados pelos membros da polícia de segurança pública (PSP), sendo o desfecho iniciado por um atirador do GOE (GOE: Grupo de Operações Especiais, da PSP).

O atirador do GOE, com ordens para atirar a matar mal tivesse uma linha de tiro, sem pôr em risco a vida dos reféns, disparou contra um dos assaltantes, num breve momento em que este se afastou um pouco da refém, como se pode ver nos vídeos do assalto. O assaltante teve morte instantânea, desencadeando o rápido final da situação de assalto e sequestro, que durava desde as 15h00.

Como ser um atirador do GOE

Muitos são os jovens interessados em tornarem-se membros do grupo de atiradores de elite da polícia. Cada um deles sonha em ser um atirador do GOE, ou sniper, mas apenas os melhores acabam por ser admitidos, após várias provas de selecção e cumprimento de requisitos essenciais. Alguns dos requisitos fundamentais que estes atiradores de elite devem cumprir são os seguintes:

Boa visão (leia-se “visão perfeita”); o candidato a sniper tem de pertencer à PSP; o historial do atirador é importante, nomeadamente a familiarização com armas e com prática de tiro; perfeita condição física; óptima condição mental, para lidar com situações em que há vidas ameaçadas, e pode haver risco para a sua própria vida também; capacidade para tomar decisões em ambientes de intenso stresse e desgaste; etc.

Treinando todos os dias, e usando carabinas especiais e personalizadas para que a coronha da arma se adapte perfeitamente ao ombro do atirador que a vai usar, os snipers tornam-se máquinas de matar, podendo tirar vidas para salvar outras.

Embora a expressão “atirar a matar” seja evitada, usando-se em vez dessa, a ordem “atirar para neutralizar”, o efeito final vem a ser o mesmo. O lema do sniper, ou atirador especial indica claramente a forma como actuam numa situação em que há vidas inocentes em risco de morte iminente como a que se viveu no assalto ao BES: “Um tiro, um morto”.

Nome dos Assaltantes do BES

Os dois assaltantes que tentaram roubar a agência do banco BES, na passada quinta-feira, foram abatidos pela polícia, após cerca de 8 horas de negociação, durante as quais mantiveram dois dos seis reféns iniciais sob constante ameaça de morte.

Um dos assaltantes, de nome Nilton Souza foi atingido por um disparo de um atirador dos GOE, e teve morte imediata. O outro autor do assalto ao BES, cujo nome é Wellington Nazaré (o nome dos assaltantes do BES, assim como o nome de ambos os reféns, foi já revelado pelos órgãos de comunicação social) também foi atingido, ficando em estado grave, e sendo de imediato assistido no local pelo INEM (Instituto Nacional de Emergência Médica), sendo estabilizado e ligado a um ventilador portátil. foi de seguida transportado para o hospital de São José, em Lisboa, visto este ser o mais próximo e com ventiladores disponíveis.

Os dois reféns, que apenas puderam ser libertados após a PSP ter neutralizado ambos os assaltantes, são a gerente do banco BES em Campolide, nome Ana Antunes, de 36 anos e mãe de três crianças, e o subgerente Vasco Mendes. O comportamento e atitude calma dos reféns, durante toda a situação já foram elogiados pelo ministro da administração interna Rui Pereira, que acompanhou todo o desenrolar do assalto, em contacto permanente com a polícia.

Fonte: Jornal Correio da Manhã Online.

Vídeos do Assalto ao Banco BES

Vídeos do assalto ao BES na tarde e noite de ontem, em Lisboa. Dois assaltantes brasileiros tentaram assaltar as instalações do Banco Espírito Santo na rua Marquês da Fronteira, fizeram reféns, incluindo a gerente da agência bancária, mas acabaram por ser abatidos pelas forças policiais.

Claro que o facto de serem brasileiros nao tem nada a ver, podiam ser portugueses ou de outra nacionalidade qualquer. Um dos assaltantes foi morto com um tiro na cabeça, por um atirador especial dos GOE (Grupo de Operações Especiais), e o outro foi atingido por dois tiros, estando hospitalizado em estado grave. Os reféns escaparam sem ferimentos.

Há já vários vídeos do assalto ao BES a circular pela Internet, alguns retirados dos noticiários transmitidos pelas estações de televisão RTP, SIC, ou TVI, que filmaram os desenvolvimentos e sobretudo os momentos finais de toda a situação, em directo, outros filmados com telemóveis.

O YouTube é uma boa fonte para estes vídeos, com muitos utilizadores a fazerem upload do seu próprio vídeo, embora por vezes sejam apenas filmagens dos vídeos e reportagens já mostradas na TV; os sites de notícias são outra boa fonte.

Aqui ficam 2 dos vídeos do assalto ao BES que estão disponíveis no site. Neles pode ver-se o desfecho do sequestro, com a intervenção das forças policiais, que resolveram a situação de forma profissional, acabando por usar a força, quando as negociações não foram o suficiente. Pode ver também as fotos neste link: Fotos assalto BES.

Vídeos do Assalto ao BES (2008)